Nigéria utiliza aplicativo de Android para combater ebola

Não é necessário estar super antenado para saber que o Ebola, grave febre do tipo hemorrágica que é transmitida por um vírus altamente infeccioso, está se alastrando rapidamente e assustando a população mundial.

Ligue a TV em qualquer noticiário e verá que quase 4 mil pessoas já morreram infectadas pelo vírus que começou na África, atingiu os EUA e agora já tem sua primeira suspeita de caso aqui no Brasil.
O site da revista Exame publicou interessante matéria sobre o assunto que vale a pena compartilhar aqui no Blog. Trata-se de uma amostra prática do quanto a tecnologia, neste caso em especial dos dispositivos móveis, pode trazer benefícios incalculáveis para a humanidade.

Assim que o surto do Ebola se alastrou para a Nigéria, profissionais da saúde que monitoravam casos suspeitos lançaram mão de um aplicativo Android que auxiliava a informar a população mais rapidamente a respeito de surgimento de sintomas da doença.
Chamado Ebola Alert, o app utilizava o Twitter e o Facebook para literalmente alertar e informar os nigerianos sobre os perigos trazido pelo vírus.



Conforme informou Daniel Tom-Aba, gerente sênior de dados do Centro de Operações de Emergência contra o Ebola na cidade de Lagos, o app auxiliou na redação do tempo de disseminação da informação que normalmente era de 12 horas pela metade num primeiro momento, posteriormente para 75%, e agora para quase em tempo real.

Ainda de acordo com Daniel, antes as informações eram escritas em formulários à mão e depois iam para bancos de dados. Agora com a aplicação, tudo pode ser atualizado imediatamente.
Tanto o aplicativo quanto os aparelhos foram disponibilizados por uma empresa de pesquisas da Califórnia chamada eHealth Information Systems Nigéria, que atua na cidade de Kano (norte do país).
Vale ressaltar que o Google também se mobilizou e colocou as manguinhas de fora. Sua unidade nigeriana organizou sessões de treinamento para jornalistas orientando sobre o uso do Google Trends, para identificação das principais dúvidas da população local sobre o Ebola.
O Ministério da Saúde da Nigéria revelou que o país, que conta com uma população aproximada de 170 milhões de habitantes, já registrou 19 casos de Ebola, com 7 mortes confirmadas e 12 curas.

Fonte:  Revista exame

Previous
Next Post »

Comente com o Facebook:

Utilize a caixa de texto acima para comentar com sua conta do facebook, e a caixa abaixo para comentar com uma conta do google. EmoticonEmoticon

Todos os links e arquivos que se encontram no site, estão hospedados na própria Internet, somente indicamos onde se encontra, não hospedamos nenhum arquivo que seja de distribuição ilegal. A aquisição desses arquivos pela internet é de única e exclusiva responsabilidade do usuário. Não apoiamos a pirataria, valorize os autores, compre o livro impresso.